Stollen.

4 Comments

Para quem não conhece, stollen é um pão natalino originário da Alemanha . Bem, tem gente que classifica como  bolo, outros como pão. Como leva fermento seco usado para pão eu fico no time dos que o chamam de pão. Tradicionalmente o stollen é preparado no período do advento, aquelas quatro semanas que antecedem o natal. Os seus ingredientes eram mínimos por volta de finais do século XIV e princípios do século XV – farinha, fermento, água e óleo. Nada de manteiga ou leite. A igreja ficava de olho, e excessos não eram permitidos. Tampouco se usava especiarias, pois elas eram muito caras. Por volta do século XVII por decreto papal foi permitido o acréscimo de leite, manteiga, frutas cristalizadas.. Para mim é um os pães natalinos mais gostosos. Fica lado a lado com o  panettone. E olha que eu sou fã de panettone, mas acho que  o fiz um ‘qualquer’ por tanto consumí-lo. Enquanto o stollen é sempre especial. Veste roupa de festa, fica sempre na sala. Na mesa principal.

stolen-1

Há uns 10 anos eles ficaram muito popular no Reino Unido. Bem, popular talvez seja meio pesado, porém se passou a encontrar stollens mais facilmente na última década nas grandes cidades da Inglaterra. Como não costumo passar o natal na Escócia ou Gales não sei dizer quão comum o stollen se tornou por lá.

Esta receita é um pouco diferente da tradicional, pois leva cranberries, damascos secos, e as passas secas, e passas amarelas. Eu peguei a quantidade total de frutas secas da receita original e adaptei para as frutas secas que tinha em casa.  Se fosse seguir a receita original à letra este stollen seria de cranberries. Mas só tinha uma pequena porção deles. Porém na receita postei as frutas e quantidades da receita original. Joguei cardamomo na massa também, enquanto a receita original pedia noz moscada.Virou  o meu próprio stollen de uma certa forma. Uma outra variação das receitas que fiz outras vezes e que são mais tradicionais,  ao invés de misturar as frutas secas à massa na hora do preparo, aqui elas são acrescentadas ao abrir a massa. É um pouco chatinha de misturar, mas com paciência e boa vontade tudo acaba bem. Digo sem medo de que é um dos pães mais lindos desta época. E a aparência é bem festiva também.

stolen-3

Esta receita é grande. Dá muito stollen. Eles são normalmente mais ‘achatados’ do que os meus que foram feito meio ‘assalsichados’ – aquela coisa meio comprida, sabe? Mas é bom a gente dar uma mudadinha de vez em quando. E aqui eu realmente mudei quase tudo. Oopss!

O sabor não é comprometido. Fica lindo na mesa, fatiado, e as frutas secas ficam parecendo pedrinhas preciosas. Tradicionalmente se coloca as frutas maceradas em rum. Mas usei bourbon pois não tinha rum em casa, e nem pensei em sair para comprar o rum. Você pode usar outra bebida que tenha em casa. E muita raspa de limão ralado também. Para dar aquele toque cítrico.

stolen-2

Stollen.
 
Ingredientes
Ingredients:
  • Para o stollen
  • limão siciliano - 1
  • rum/suco de laranja/bourbon/ - 4 colheres de sopa medidoras
  • extrato de baunilha - 1 colher d chá medidora
  • cranberries secas* - 150g
  • uvas passas amarelas ou damascos secos picados - 150g
  • leite - 300ml
  • fermento seco de ação rapida - 1 colher de sopa medidora ( deu um pacotinho de 7g mais um pouquinho de outro pacotinho)
  • noz moscada - 1 colher de chá medidora
  • farinha de trigo para pão - 500g, mais um pouco para polvilhar a superfície em que for trabalhar a farinha
  • sal - 1 colher de chá medidora
  • açúcar refinado - 85g
  • manteiga em temperatura ambiente - 175g
  • ovos - 1 mais uma gema
  • marzipã (caseiro ou pronto) - 250g
  • Para servir
  • manteiga derretida - 50g, picado*
  • açúcar de confeiteiro - quando precisar
Instruções
  1. Instruções
  2. Esta receita dá dois stollens. Você pode congelar um deles por até um mês, mas acho que nesta época eles logo se acabarão.
  3. Coloque as frutas secas em uma vasilha, e raspe o limão na hora de colocar na vasilha com as frutas. Acrescente a bebida alcólica ou o suco de laranja e o extrato de baunilha. Mexa bem, e  deixe macerar por pelo menos 4 horas;
  4. Faça o mis en place dos outros ingredientes. De uma leve amornada no leite - muito de leve por favor, e jogue o fermento dentro, mexendo com um garfo. Deixe reservado enquanto o fermento reage.
  5. Coloque a farinha, especiaria (usei cardamomo ao invés de noz moscada), sal e açúcar em uma tigela e mexa. Gosto de peneirar os ingredientes para evitar carocinhos da farinha.
  6. Jogue a manteiga em pedaços dentro da tigela com a farinha e usando as pontas dos dedos vá esfregando a manteiga na mistura seca. Continue com o movimento até que a mistura fique como areia - embolotadinha;
  7. Ponha o ovo e a gema extra em uma tigela e bata bem. Jogue esta mistura no leite contendo o fermento, e misture com um garfo;
  8. Derrame a mistura do ovo com o leite e fermento  na tigela com a farinha e mexa com uma espátula. Deixe descansar por uns 10 minutos;
  9. Após os 10 minutos transfira a mistura para uma superfīcie levemente untada e trabalhe a massa por uns 10 minutos - se controle para não enfarinhar muito a superfície. Para ajudar a trabalhar a massa que vai estar grudenta inicialmente enfarinhe os dedos, e isso ajuda. A massa deve ficar macia e elástica.Esta massa é muito boa de trabalhar. Enfarinhe levemente uma tigela e ponha a massa dentro assim que chegar no ponto desejado. Cubra com plástico pvc, e deixe em um cantinho quentinho da cozinha por 1h e ½. Ao final deste tempo a sua massa deve ter dobrado de tamanho.
  10. Reserve assadeiras de pelo menos 20x40cm, forradas com papel manteiga. Você precisará delas para assar os stollens. Caso você tenha um forno e assadeira bem grande, use somente uma para assar os dois stollens.
  11. Pegue a massa que estava descansando, divida em duas partes e iguais. Cubra uma das metades enquanto trabalha com a outra parte. Abra a massa com as mãos, em uma superfície levemente untada até atingir um retângula de aproximadamente  20x40 cm. Divida as frutas secas em duas partes iguais e espalhe metade delas na metade da massa aberta. Comece pela parte de 20 cm da massa. Uma vez que as frutas estiverem bem espalhadas, cubra-as com a outra parte da massa, fechando como um envelope.
  12. Usando as mão com delicadeza vá massageando a massa sem deixar que frutas escapem dela ou sem fazer buracos. Tente esticá-la para algo entre 15x25cm. Ao atingir este tamanho dobre a massa novamente, desta vez a partir do sentido mais longo. Continue a massagear a massa para abrir (repetindo o que já vez) mais uma duas vezes. Se a massa ficar um pouco difícil de trabalhar, deixe descansar um pouco antes de continuar.
  13. Quando acabar de trabalhar a massa, pegue o marzipã e divida ao meio. Trabalhe primeiro com uma metade. Faça uma salsicha com ele. E quando estiver pronta  faça uma cavidade na massa do stollen e insira o marzipã nela. E depois vá trabalhando a massa cuidadosamente para cobrir a salsicha de marzipã - vá puxando a massa por cima aos poucos. E no final o marzipã vai ficar escondido dentro da massa. Tente fazer com que o marzipã fique no centro. As vezes ele tende a ficar mais para um lado - como os das fotos;
  14. Trasfirra a massa para uma das formas reservadas, revista com plastico PVC levemente untado e reserve em um canto quentinho da cozinha. Deixe descansar por aproximadamente 1 hora.
  15. Repita todos os passos com a outra metade da massa.
  16. minutos antes de assar os stollen pre-aqueça o forno - 30 min aproximadamente. Temperatura 180oC. Quando o forno estiver no ponto transfira os stollen para ele e asse por uns 30 minutos
  17. Quando os stollens estiverem prontos retire do forno, pincele com a manteiga derretida, e polvilhe bem com o açúcar de confeiteiro.
  18. Deixe esfriar completamente antes de servir. Se necessário polvilhe mais um pouco com açúcar de confeiteiro.

Instructions:

 

4 Comments
  • Patricia Scarpin

    Responder

    Tina, que bom que deu certo, ficou lindo o seu stollen! Eu ando com vontade de fazer também por sua causa. Amo os ingredientes que vc usou.

    • valentinajacome

      Amiga, vc acompanhou o parto que foi este. dormi..overproving. faz de novo. risos. Rendeu muuito Pat. talvez ainda faca de novo em casa. se bem que exagero e nao vou ter tempo. obrigada querida. odiei as fotos mas estou sem saco de procurar umas antigas. bus e ate sábado

  • Ora Pitangas on Facebook

    Responder

    maravilhoso!

  • Raquel Sá on Facebook

    Responder

    Loucura, loucura, loucura! Adorei saber a estória desse pão! Obrigada.

Leave a Comment

Rate this recipe: