rocambole de especiarias com ruibarbos assados

10 Comments


rocambole-4
Na 5a a noite eu fiz este bolo pela primeira vez. Presenteei uma amiga que fez aniversário. A massa ficou tão macia que fiquei encantada. Pode parecer uma palavra banal para usar na descrição do rocambole, mas descreve com precisão com me encontrei ao provar um pedaço do rocambole quando cortei as aparas. Este rocambole ficou fofo como coisa de sonho. Tanto que acho que daqui para frente vou usar esta receita como base para todos os rocamboles que fizer. As especiarias usadas dão uma charme à massa, e combinam muito bem com os ruibarbos. Dei também  muita sorte com os ruibarbos que havia comprado e que usei para a receita. Estavam bem vermelhinhos, de dar gosto. E o sabor deles assados ficou divino.

Eu gosto muito dos primeiros ruibarbos do ano, os que saem ainda em janeiro, os ‘forced rubharbs’ que vem de Yorkshire, pois costumam ser bem mais suaves em sabor do que os que compramos nesta época do ano. Mas estes que usei para o rocambole da foto não chegavam nem perto dos primeiros ruibarbos do ano em sabor. Ainda não estavam no ponto, e o resultado foi um tanto desapontador no quesito sabor do recheio. E olha que eu escolhei a dedo os melhores a mostra.

rocambole-2Voltando ao rocambole, adorei como ele ficou com uma corzinha toffee. Acaramelada – acho que esta palavra não existe. Queria muito fazê-lo também com um recheio de morangos. E sei bem como quero preparar estes morangos. Vai ser a minha receita favorita de morangos assados no forno lentamente. Receita da Adrianne do blog Gastroanthropologist. Nesta receita o produto final é um morango de sabor tão concentrado como jamais havia provado. E falando nela pois é minha musa, ela também tem uma receita show de geléia de morango em que os morangos são colocados no sol em um saco por um tempo para concentrar bem o sabor, e depois se faz a geléia. Bom, não ilustrei bem a receita dela com minha narrativa preguiçosa. Mas creia que é muito boa.  E esta do morango deixo aqui como sugestão  para quem queira fazer e não tenha ruibarbos. Depois me conte da sua própria sugestão. Vou amar saber. E deixo um abraço pois vou tomar chá. Sem rocambole, pois dei o segundo rocambole para meus vizinhos. Em troca ganhei um molho de ‘vongole’  muito bom.

rocambole-1

Ingredients:

Para o rocambole

Recheio

Para a base do recheio

Instructions:

Preparo do rocambole:

Pre-aqueça o forno – 200oC. Unte e forre com papel  manteiga uma forma de 26cm x 32 cm. O papel manteiga deve formar abas laterais para ajudar a levantar o rocambole quando pronto. Reserve.

Coloque a farinha de trigo e especiarias em uma tigela e mexa com um fouet para que tudo se incorpore. Reserve. Ponha os ovos e 150g de açúcar em uma tigela e bata por 5 minutos – a mistura vai ficar grossa. Acrescente a água quente na lateral da tigela e siga acrescentando o chocolate.  Bata para misturar. Depois acrescente a mistura de farinha de trigo misturando delicadamente com uma espátula ou colher de metal. Em uma outra tigela bata as claras até ficarem com picos moles. Você não quer aqueles picos bem duros. Divida as claras batidas em duas partes, e acrescente a primeira parte à massa com os outros ingredientes. Misture tudo muito delicadamente para manter a estrutura. Depois acrescentes segunda parte da mistura e mexa ainda delicadamente para encorporar todos os ingredientes. Transfira a mistura para a assadeira reservada, espalhe igualmente com uma espátula e leve ao forno por 12 minutos. Antes de tirar do forno faça o teste do palito. Uma vez pronto retire. Corte um pedaço de papel manteiga do tamanho da forma, jogue o açúcar extra por cima e espalhe, e vire o rocambole assado ainda quente por cima desta mistura. Comece a enrolar o rocambole a partir da parte mais comprida da forma, usando o papel como guia: vá enrolando devagar mas com determinação. Uma vez que ele esteja todo enrolado, deixe enrolado por uns 5 minutos. Após este tempo abra a massa e reserve enquanto vc prepara o recheio.

Preparo do recheio:

Coloque o ruibarbo picado em uma vasilha, seguido dos outros ingredientes e misture bem. Leve ao forno por uns 10 minutos. Quando ficar pronto ele deve estar macio. Reserve.Você não usará todo o ruibarbo assado no rocambole. Guarde o restante para comer com o iogurte, ou com a granola.

Para a base do recheio:

Bata o mascarpone e o creme de leite até formar picos.

Para montar o rocambole:

Espalhe a mistura do mascarpone no rocambole aberto, deixando uma como que borda na massa sem a mistura. Espalhe os ruibarbos assados por cima da mistura do mascarpone. Talvez vc não precise de todo o ruibarbo. Depois enrole o rocambole recheado como da primeira vez, e polvilhe o rocambole com açúcar de confeiteiro. Sirva.

 

10 Comments
  • vermelhinho

    Responder

    Parece tão delicioso, humm

  • Lylia

    Responder

    Querida amiga,
    QUe rocambole mais lindo ! Sabe que nunca provei ruibarbo? Será que tem aqui no Brasil?
    Quando experimentar acho que vou fazer com recheio de mroangos, pois eles já estão começando a aparecer por aqui.
    Bj saudosos,
    lylia

    • valentinajacome

      Lylia querida, esta massa é otima. bem fofa e leve. olha, sei que em Sao Paulo se encontra ruibarbo em alguns lugares aparentemente. Ainda não ouvi nada de Brasilia. Sera que no CEASA tem?

  • Marcia Elena

    Responder

    Valentina, são colheres de sopa não muito rasas( pelo menos é assim que uso), podem ser usadas as colheres medida, eu uso as colheres normais mas também uso as de medida. Quanto a ficar cheiro do ovo eu nunca senti, mas eu bato as claras em neve, quando estiverem bem durinhas eu adiciono as gemas, sempre com a batedeira ligada, na sequencia coloco o açúcar, o óleo e o suco de limão( esses dois últimos são adicionados para o bolo não murchar) e deixo bater bem, desligo a batedeira e adiciono a farinha peneirada e misturo com delicadeza, normalmente coloco também umas gotinhas de essência de baunilha ou limão, ou raspinhas de laranja ou limão ou um pouquinho de canela moída, fica bem gostoso principalmente quando você tira do fogo e come quentinho mesmo sem recheio.
    Quanto a Abóbora eu aqui usa aquela de pescoço ou abóbora paulista como é chamada por aqui, corto em quadrados depois de tirar a casca coloco em uma panela sendo que para cada quilo de abóbora coloco um quilo de açúcar, cravo e canela e deixo cozinhar até apurar bem, depois de fria ela fica encorpada como um creme, dá para rechear bolos, comer com queijo branco, eu faço até sorvete de abóbora com coco.
    Espero ter sanado suas dúvidas, mas qualquer problema ou dúvida é só entrar em contato.
    Obrigado, boa semana e um beijão !!!!

    Márcia/ Atelie Bom Gosto

  • Patricia Scarpin

    Responder

    Tina, teus vizinhos tem muita sorte. 🙂

    Esse rocambole está lindo, adorei a ideia de usar chocolate branco na massa!

    • valentinajacome

      Pat, se fizer recheio de morango por exemplo (notou que obcequei), vai ficar perfeito.

  • Marcia Elena

    Responder

    Olá Valentina, a massa deve ficar muito boa, também tem tudo de bom, mas eu pensaria num recheio de doce de abóbora com bastante coco, deve ficar muito bom. Quanto aos Ruibarbos, não conheço pessoalmente, já os vi em muitas receitas, uma vez comprei uma geléia de ruibarbo caseira( em Campos de Jordão) era deliciosa.
    Agora vou lhe ensinar uma outra massa bem simples e que fica fofíssima, é uma massa boa por ser barata porque não leva quase nada , experimente e depois me fale.
    05 ovos( clara e gema separadas), 05 colheres de açúcar, 01 colher de sopa de suco de limão e 01 colher sopa de óleo de girassol ou canola e 05 colheres de farinha de trigo peneirada. Bater as claras em neve, juntar as gemas e em seguida o açúcar, o óleo e o suco de limão, deixar bater bem , com a batedeira desligada adicionar a farinha peneirada e misturar com cuidado . Essa massa aceita frutas e amêndoas, chocolate, coco e o que mais a imaginação decidir. Levar p/assar e depois enrolar com o recheio que quiser, fica muito gostoso.
    Querida amiga, boa semana, um carinhoso abraço e obrigado por nos trazer sempre boas sugestões.

    Marcia/Ateliebomgosto

    • valentinajacome

      Oi Márcia, ah adorei a sugestao. Anotei aqui no meu canderninho de notas. Mas confirme se vc esta falando de colheres medidoras por favor – parao trigo e açucar. E para confirmar,vc não bate as gemas com o acucur. Não fica cheiro de ovo so juntando a gema sem bater? Ou vc mistura a gemam, açúcar e óleo separado e acrescenta a mistura à clara? Sempre fico nervosa com abóbora por sair muita agua. qual teu truque para que fique saquinho? Vc assa no forno primeiro ou faz no vapor? Um abraço e uma ótima 3a feira.

  • Ana Paula Do Nascimento on Facebook

    Responder

    Sou muito curiosa com os tais ruibarbos, não tenho nem idéia do sabor. Fica para a lista de coisas para provar.

    • valentinajacome

      Aninha, o ruibarbo tem um sabor bem especial. Nas tuas viagens a Sampa fica de olho pois la tem em alguns empórios pelo que li através dos anos.

Leave a Comment