Pavlova de Chocolate e Framboesas

11 Comments

Confesso que nunca fui grande fã de pavlovas. Talvez porque nunca fui fã de suspiros. Sempre vi meus colegas australianos e neozelandeses brigando pela autoria. Quando se lê sobre pavlovas existe uma unanimidade quanto ao fato de que as informações mais antigas dão crédito aos neozelandeses. Tanto na Austrália quanto na nova Zelândia a tradição é de se usar morangos, pêssegos fatiados, maracujá e/ou kiwis. As framboesas já são favoritas aqui no reino unido. Esta receita tirei de um livro da Nigella Lawson. Queria fazer uma sobremesa para uma amiga, e queria algo que visualmente fosse especial. Esta fica linda, o suspiro se parte um pouco quando assado e você vê o escuro do chocolate. Ao comer se tem o crocante do exterior, e o centro é molinho. Uma delícia. Comi duas vezes.

Se você mora no Brasil utilize chantilly. Não lembro se você já o compra batido ou se tem que bater primeiro. Onde moro compro um creme de consistência semelhante ao creme de leite e bato para que fique bem grosso. Também diria que caso não tenha framboesas utilize as outras frutas que menciono acima. Ponho os ajustes necessários para a variação no fim da receita. E se delicie.

Pavlova de Chocolate e Framboesas
 
Ingredientes
Ingredientes para a base do suspiro de chocolate:
  • 6 claras
  • 300g de açúcar
  • 3 colheres de sopa de chocolate em pó amargo, peneirado
  • 1 colher de chá de vinagre balsâmico ou de vinho tinto
  • 50 gramas de chocolate picado bem fino
Ingredientes para a cobertura:
  • 500g de chantili (ou equivalente se vc mora fora do Brasil)
  • 500g de framboesas
  • 2-3 colheres de sopa de raspas de chocolate
Instruções
Preparo
  1. Pre-aqueça o forno – 180oC, e forre uma bandeja de forno com papel manteiga.
  2. Bata as claras em neve até atingir picos acetinados (não duros ainda). Comece a colocar o açúcar, uma colher de sopa por vez, até que a mistura fique firme e brilhosa. Pare de bater e acrescente o vinagre assim como o chocolate em pó e picado. Com uma colher de metal misture tudo delicadamente.
  3. Ponha a mistura na bandeja de forno e de um formato redondo – mais ou menos 23 cm. Dê uma nivelada na parte de cima (eu preferi deixar a minha desigual), e leve ao forno. Ao fechar a porta do forno baixe a temperatura para 150oC imediatamente.. Asse por 1 hora/1 hora e 15 min. Quando a Pavlova estiver pronta ficará crocante por fora, meio partida em certas partes, seca por cima mas ao enfiar um palito notará que ele é molhadinha no centro. Desligue o forno, abra a porta um pouco e deixe a Pavlova esfriar completamente.
  4. Quando retira-la do forno coloque num prato redondo. Caso ainda tenha que bater o creme para adquirir ponto de chantilly o faça o mais rápido possível. Espalhe por cima da pavlova, e jogue as framboesas por cima. Jogue as lascas de chocolate por cima e sirva.

Extra:

Se você quiser fazer uma pavlova com kiwis, maracujá ou pêssegos veja os ajustes abaixo:

  • use 4 claras ao invés de 6
  • use 250g de açúcar ao invés de 300g
  • use 2 colheres de chá de maizena ao invés de 3 de chocolate em pó
  • não use pedaços de chocolate
  • use 1 colher de chá de vinagre de vinho branco ao invés de balsâmico/vinho tinto
  • 2 gotas de extrato de baunilha que se acrescenta juntamente com o vinagre de vinho branco

O mode de preparo é o mesmo assim como o tempo no forno. A unica diferenca e que esta sera levemente menor – 21cm aproximadamente.

para a cobertura use kiwis fatiados, ou polpa de uns 7/8 maracujás dependendo do tamanho.

11 Comments
  • Vania

    Responder

    Olá Valentina!

    Fiz essa receita essa semana. É uma sobremesa linda e muito deliciosa, fez o maior sucesso. Usei framboesa e morangos.

    Bjos!!

  • credito pessoal online

    Responder

    Parabéns pelo blogue.Gostei muito.

  • Erika

    Responder

    Muito obrigada pela receita! Procurei por muito tempo essa receita da Nigella… Fiz e foi um sucesso!

  • Cristina

    Responder

    ValentinaOntem tentei fazer esta pavlova e quase chorei!!! Estava linda no forno, mas ao fim de 45 mins achei que estava já cozida e tirei-a. Começou depois a partir e a sair um liquido castanho. O interior parecia uma mousse de chocolate muito deslassada. Como é suposto ficar? O que achas que correu mal? Puxa, até framboesas fui comprar de propósito sniff sniff 😉

  • Anonymous

    Responder

    Querida parabéns pelo blog…vc capta receitas interessaníssimas!! Essa então…huuummmmmmbjs e continue assim…bjssss

  • valentina

    Responder

    Karen, tambem nao sou fa dos dois. Mas acho algo ideal para dar de presente.Márcia querida, e isso mesmo. Os neo zelandeses sao orgulhosos da sua invenção.Alice, que bom que foi um sucesso.Joana, obrigada.volte sempre.Daniel, ficou contente que tenhas gostado. vou dar uma passeada no teu blog.

  • valentina

    Responder

    Akemi querida, ela ficou toda satisfeita.Ainda bem!

  • Daniel Figueiredo

    Responder

    Olá, eu sou grande fã de pavlovas, encontrei esta receita pelo google, testei ela ontem e gostei muito. Só não tinha framboesas, então fiz com morangos. Da próxima vez pretendo fazer com framboesas, gostei muito! Obrigado pela receita 🙂

  • Joana

    Responder

    que maravilha! vou fazer esta delícia quando puder. me deu água na boca. lindo o seu blog! beijos

  • Anonymous

    Responder

    Obrigada pela receita.É deliciosa.Fiz com morangos e o pessoal aqui adorou!Alice

  • Anonymous

    Responder

    Obrigada pela receita.É deliciosa.Fiz com morangos e o pessoal aqui adorou!Alice

Leave a Comment

Rate this recipe: