Pasta de feijão e rabanate

6 Comments

pasta de feijao e rabanete-4São 2 da manhã mas me recuso a ir dormir sem colocar este post no ar. É que já ha mais de um mês ando muito cansada de trabalhar longas horas, e chegar em casa super tarde. Dentre várias coisas os meus posts  se atrasam, não tenho tido muito tempo para cozinhar. Nesta correria danada ando valorizando o simples. O cafezinho que tomo em pequenas xícaras, uns legumes da cesta semanal preparados de forma bem simples, usando ervas para realçar seu sabor, um peixinho na frigideira só com sal, uma torradinha com manteiga salgada. Nada de complicado. Nem precisa. Andei negligenciando o simples, mas ele é tão prazeroso. A apreciação do simples é pouco valorizada. Ela é essencial.

O comer simples. A torrada integral no café da manhã com manteiga com sal de um pqueno produtor, um mingau de aveia com fatias de banana – as fibras logo de manhã são primordiais, uma fruta da estação no lanche do meio do dia ou da tarde. Uma mistura de legumes cozidos no vapor, com um tempero bem básico e com fatia de ovos cozidos, um cafezinho. Caminhar para a estação pela manhã, curtinho a paisagem na passagem:  o jardim da casa aonde mora um casal de velhinhos com paixão por jardins, as árvores no bequinho pelo qual passo que vão mudando de roupagem a cada estação, o rio Wey todas as manhãs e a turma de caiaque que sai para treinar cedo às vezes, as barges que colorem as margens do Wey.. Muitos destes detalhes diários são muitas vezes esquecidos por nós. Mal os notamos na correria diaria.

richmond-4

pasta de feijao e rabanete-2

richmond-3Adoro comer tomates cerejas assim, só beliscando. Eles são tão docinhos, com aquele gosto de tomate fresco que nada substitui.  Espero todo ano a estação das ervilhas quando as como diretamente das suas casas, aquela explosão de sabores na boca.  Comer pedaços de pepino enquanto os descasco e pico para uma salada. Ficar beliscando folhinhas de coentro. Ou mesmo  roendo uma cenoura super fresca.  Ficar tirando folhas de agrião fresco para comer enquanto se prepara a salada, ou de rúculas.

Um filé simple somente com sal. Um peito de frango grelhado somente com alho esmagado e sal. Acompanhado da salada com agrião – os que sobreviveram à minha beliscação. E nesta onda fiz uma pasta de feijão e outra vez de grão de bico para comer com uns rabanetes que vieram na minha cesta. Rabanetes  de cor linda, natural. Belos e saborosos na sua simplicidade. Sentei no jardim, só curtindo o calorzinho e luminosidade que ficam no ar até umas 9 da noite no momento. Comi tantos pequenos rabanetes com pasta de feijão/grão de bico que a barriga ficou super cheia. E eu super feliz. Me satisfiz simplesmente, e divido torcendo para que você também seja alguém que ama o simples, e que dele tira imenso prazer.

pasta de feijao e rabanete-1

 

Ingredients:

Instructions:

Lave os rabanetes e corte-os ao meio. Reserve.

Coloque o óleo e alho em uma frigideira média em fogo médio a baixo e deixe aquecer levemente para dourar o alhor e fazer uma infusão. Reserve. Depois de uns 15 minutos, coloque o óleo, alho, feijão/grão-de-bico, raspa de limão e tahini no processador. Processe e vá acrescentando um pouco de suco de limão aos poucos. Não ponha tudo de uma vez. Prove. Acrescente sal e pimenta do reino. Se necessário coloque o resto do suco de limão.

6 Comments
  • Karen

    Responder

    Desculpe a ignorância culinária, mas eu faço o quê com o alho e óleo reservados??

    • valentinajacome

      Oi Karen, não foi ignorância culinária não. Não estava claro quando se acrescentar os dois ingredientes. Fiz a correção à receita.Obrigada por chamar a minha atenção.

      • Karen

        Obrigada! Aprendi a gostar de comer rabanetes em minha última viagem à França, e a-m-o feijão e grão-de-bico, então não via a hora de poder testar a receita – vai ser amanhã mesmo! 🙂

  • Cristina

    Responder

    Simplicidade ás vezes é tudo que precisamos!
    Nunca faltam rabanetes em casa, adoro a textura crocante, o frescor e o sabor ardidinho, mas essa combinação com o feijão nunca provei!
    Um abraço!

  • valentinajacome

    Responder

    Gina querida, adoro mexer com o sabor da pasta acrescentendado temperos diferentes. andei meio apaixonada por esta combinaçao usando paprika. As possibilidades sao inumeras. e tao simples. Vou tentar com oregano tambem.Estou de ferias em BSB. Vc esta em Sao Paulo, nao eh?

  • Gina

    Responder

    Querida Valentina.
    Que delicia a descrição de suas refeições, que de simples só o nome, pois o sabor e o prazer destas refeições são muito confortáveis e nos dão um sabor de coisas verdadeiras e essenciais.
    Adorei esta pasta, já tinha feito de feijão branco e de grão de bico mas sem rabanete. Deve ter ficado delicioso com um leve ardor.
    Também tenho a mania de ir comendo os ingredientes in natura enquanto os vou fazendo. Minha mãe dizia que além de não sobrar ainda ficava cheia antes de terminar de fazer.
    Mas que é bom, lá isso é.
    Se vc. vier ao Brasil de férias, avise.
    Beijinhos.

Leave a Comment