Lulas preparadas na panela wok com pimenta e manjericão

7 Comments

Amo lulas. De paixão. Adoro um prato chinês em que são feitas com pimenta. Por quê? Ah, não sei. A textura. O sabor. E o fato de que se tem que ficar bem esperto para não se perder o ponto. Se isso acontecer elas viram pura borracha. E nem eu gosto. Hoje estive em Londres para pegar umas cadeiras e parei rapidinho no Lisboa, um mini supermercado português na área de Portobello. É lá que compro polvilho azedo – o doce eu acho em lojas de produtos naturais, mas o azedo só no Lisboa ou vendinhas brasileiras. Enfim, vi que o Lisboa tem um freezer com peixes congelados. E embora prefira mil, mil vezes os frescos, ao ver um pacote de lulas passei a mão. E fiz este prato ao chegar em casa. Ficou levemente apimentado – bem como eu gosto. E com um vinho branco acompanhando fica simplesmente super delicioso – se você gosta de lulas,é claro.

  • 675g de lulas frescas – se usar congeladas vais precisar de aproximadamente 450g
  • 175g de ervilhas (frescas ou congeladas)
  • 1 ½ colheres de sopa de óleo vegetal
  • 4 colheres de sopa de alho picado grosseiramente
  • 3 colheres de sopa de echalotes fatiados
  • 2-3 pimentas dedo-de-moça sem sementes, cortadas em tiras
  • 1 colher de sopa de molho de peixe (nam pla) – o fedido que é maravilhoso
  • 2 colheres de sopa de molho de ostra
  • 2 colheres de chá de açúcar
  • Um punhado de manjericão (se você achar o tailandês é ideal)

Peça ao seu peixeiro para limpar bem as suas lulas. Quando for trabalhar com elas você pode dar uns talhos: pegue uma faca e ponha dentro de uma lula, e venha com uma outra faca e dê uns cortes na parte que está ‘te encarando’. A razão de se usar a faca é para que você não corte as duas partes. Porém isto é tudo questão de gosto. Você pode até cortar cada lula como uma folha aberta. Gosto de guardar os tentáculos para usá-los também. Não se esqueça de dizer o que quer ao peixeiro.

Se você for usar ervilhas frescas coloque-as em água fervente e salgada por uns 3 minutos. Escorra e reserve. Entretanto se for usar as congeladas só as deixem reservadas até que tenha que usá-las.

Esquente a wok e ponha o óleo nela. Dê uma leve tostada no alho – só até que doure, por volta de 1 minuto. Remova da wok e ponha num pratinho revestido com papel toalha.

Jogue as lulas na wok e cozinhe-as por aproximadamente 1 minuto, até que comecem a se tornar opacas. Quando isto acontecer jogue os echalotes, pimenta, molho de peixe, molho de ostra e açúcar. Cozinhe na wok, mexendo sempre, por uns 3 minutos. Jogue o manjericão e dê mais uma mexida. Sirva imediatamente, salpicando o alho por cima do prato.

7 Comments
  • Márcia

    Responder

    Minha querida também gosto muito de praticamnete todos os frutos do mar. Esta foto em particular parece invadir a tela do PC.Voçe me fez rir quando fala para cortar as partes que estão “te encarando”. Beijos

  • miki w.

    Responder

    ai, levemente apimentado e acompanhado de um vinho branco, bem q eu queria essa tua lulinha agora, amo lula, mas nunca me atrevi a fazê-las. minha sogra arrasa na cozinha e com lulas então… tina, amei teus potinhos coloridos, são fofos!bjs, miki

  • Daniela

    Responder

    Valentina, amei o prato de paixão. Quarta feira tem varejão noturno e comprarei lulas frescas.Beijos

  • Dadivosa

    Responder

    Valentina, ainda não li o post, mas precisava comentar… você é a rainha do mise-en-place, menina!Fofa demais sua organização 😀;***

  • Karen

    Responder

    Também adoro lulas!

  • valentina

    Responder

    Ah, se tiveres um bom peixeiro peça que ele limpe as lulas para ti. O resto é simples. Só fique de olho para que não emborrache. É meio que nem camarão no que diz respeito a ‘emburrachar’ fácil se não se tiver cuidado.bjs

  • Anonymous

    Responder

    Amiga,o João gosta muito de lulas e eu nunca fiz aqui em casa – tenho medo de não acertar!Com essa sua didática maravilhosa acho que vou me arriscar qualquer dia – o marido iria ficar feliz da vida!

Leave a Comment