lulas apimentadas e salgadas ao estilo cantones

5 Comments

Aqui venho eu novamente falar e postar sobre lulas. Desde que comprei um sacão no Lisboa em Londres fico doidinha atrás de receitas. O que posso fazer se sou apaixonada pelas danadas? E este é o único amor unilateral que tem um final feliz. A receita é mais uma da Kylie Kwong, australiana de origem chinesa. Receitinha ótima para entrada e também como aperitivo para os obcecados por lulas como eu. Diz a Kylie que os segredos do sucesso deste prato cantonês são:
a)o óleo aonde você vai fritar as lulas tem que ser óleo fresco, sem resquícios anteriores – de outras frituras;
b)sirva assim que ficar pronto pois o grande charme é comê-lo ainda quente

Você não gosta de lulas? Mas por quê não?! Ah, prova esta receita, vai!!

Os ingredientes:

  • 500g de lulas limpas e frescas
  • 2 colheres de sopa de maizena
  • 2 colheres de sopa de farinha de trigo
  • 2 colheres de chá de pimenta em pó – daquelas danadas de apimentadas..rss
  • 2 colheres de sopa de sal marinho
  • 1 colher de sopa de pimenta Szechuan – colocada numa panela bem quente e depois tostada e moída
  • óleo de amendoim ou cânola
  • alface americana rasgada em tiras
  • limão em fatias

Enxágüe e seque as lulas bem sequinhas. Corte-as em rodelas como anéis. Reserve.

Numa vasilha coloque a farinha de trigo, a maisena, a pimenta, sal e pimenta Szechuan moída. Misture bem para combinar todos os ingredientes. Ponha as fatias de lula e misture bem com as mãos para se certificar de que todas estarão bem revestidas.

Coloque ‘’óleo numa frigideira /wok e ponha as lulas para fritar em levas. Retire com uma escumadeira e ponha num prato com papel manteiga para secar. Sirva numa ‘cama’ de alface americana. Achei que foi ótima para aliviar o ardido.

Achei que ficou um prato deli acompanhado de uma cervejinha. Na China se come como entrada. Acho que vai depender da fome de cada um, né?!?

5 Comments
  • Cristina Stein

    Responder

    Querida Valentina,
    Que lindo que ficou o seu prato!!!
    Essa é uma “salt-and-pepper-squid ou pepper-and-salt-squid receita”? Se for, tenho uma outra variacaozinha da Donna Hay, que estava guardada na pasta porque nao conseguia entender o empanar “a seco”… A mistura de tempero gruda mesmo na lula?
    Cristina
    p.s. Que lindas as fotos do souffle. Show!!!

  • Márcia

    Responder

    Hummmmm! fiquei com o gostinho na boca…. Beijos

  • Cris

    Responder

    Eu gosto de lula! E estou com uma receita pronta para postar também! Bjs!

  • Patricia Scarpin

    Responder

    Tina,
    Esta receita tem a cara do João. O danadinho adora lula.
    Fritinhas assim com uma cervejinha gelada, então… Que irresistível!

  • Itza

    Responder

    Vale, amei esta receita que eu tb faço muito aqui em casa. Amo lulas assim como vc, uma receita que eu gosto é arroz com lulas en sua tinta. A tradução ficou meio grosseira, né. É que aqui comemos muitíssima lula, se vc quiser receita é só dizer. Aii sabe como eu faço muito tb? Em escabeche?Uhmmm a ver como seria – em conserva? A la vinagreta? Acho que é assim. Um beijão e que sigas disfrutando das suas lulas?

Leave a Comment