Crisps de Mandioca

0 Comment

O meu supermercado local está com uma linha ‘exótica’ para os padrões ingleses. Estou adorando. Muitos são produtos para a população indiana e paquistanesa. Há também vários produtos que visam à população africana. O interessante é que há 3 anos, quando vim de Londres para Guildford, se viam pouquíssimos ‘marronzinhos como eu por aqui – isto é o que diz a minha amiga Kimberly, de origem indiana. Ouvia-se muito francês, espanhol.. Com a afiliação de paises do leste Europeu como Polônia, Bulgária, etc.começamos a ouvir muito polonês na High Street, por exemplo. Tenho notado mais e mais um fluxo imenso de não-europeus em Guildford. Brasileiros..milhares. Muitos chineses.. e outros que provavelmente nunca ouço pois passo a maior parte do meu tempo em Londres. Enfim, voltando ao meu supermercado, hoje encontrei ‘crisps de mandioca’- os da foto. São parte da linha direcionada aos indianos e paquistaneses. A marca é ‘Taj’- previsível,não? São maravilhosos? Não. Quando você os põe na boca e começa a ‘crocar’ a pergunta vem imediatamente à mente ‘o que é isso?’. Já quando você chega ao final o gosto da mandioca vem a ‘tona’. Se achasse mandioca fácil faria em casa – cortaria no mandolim e faria no forno pois com certeza seria mais gostoso. Mas a experiência foi divertida. Confesso que fiquei imensamente animada quando vi ‘Cassava Chips’.

Aproveitando esta coisa dos produtos ‘exóticos vou lhes contar o que mais se acha por aqui – e a preços bem inferiores aos das marcas mais famosas. Leite de Coco, grão de bico em sacos de meio quilo, ‘gari’- a nossa versão de farinha africana (ou será a versão africana de farinha?), suquinho de manga, suquinho de goiaba, suquinho de graviola, arroz em sacos grandes – maiores que os de 1 kg.. e outros itens que para brasileiros, por exemplo, são ótimos. Tem também muitas ‘nozes’- amendoins, pistache, castanha do Brasil ( que palhaçada mudar o nome – fica aqui o meu protesto!).. Todas as ‘nuts’ são BEM MAIS baratas se compradas de marcas direcionadas a esta população – the exotic people like myself, e amo este fator.

0 Comments

Leave a Comment