Cookies de chocolate com manteiga com sal

25 Comments

Hoje o sol saiu. O dia foi lindo. Frio, sem sombras de dúvidas. Mas claro. O verde da grama estava muito mais ressaltado, as flores mostrando o prenúncio da primavera muito mais bonitas com a luz do sol. Os dafodils como que pequenas gotas de sol nos gramados. Depois de um inverno tão longo e escuro – ele oficialmente ainda está no ar, foi maravilhoso acordar para um céu bem azul. E sai de casa para andar, aproveitar o meu dia de folga. E andei e muito. Veja bem, num dia ensolarado assim é um vacilo ficar dentro de metrô se o que podemos fazer é caminhar pelas ruas. Embora tenha ido a Londres com o propósito de viajar uma boutique de tâmaras, e bati com a cara na porta, o dia claro não me deixou ficar chateada, frustrada. Bom, frustrada fiquei, mas numa boa pois resolvi aproveitar e fazer outras aventuras. Como parar numa das lojinhas da Ladurée e comprar uma seleção de macarons. E saí passeando por Mayfair e acabei em Green Park e St James’s park. Neste espírito de renovação e animo, resolvi que já estava mais que na hora de dividir aqui uma receita de cookie que elegi como a minha favorita. O tempo cinza e frio tinha sugado um pouco da minha energia.

Desde que fiz um bolo da Magnólia há uns anos atrás em que a receita pedia uma pitada de sal, comecei a apreciar o toque do sal nas receitas doces. Não que ficasse indo atrás de receitas com estas características, mas me fez ficar aberta a tais receitas. Há umas semanas atrás peguei uma receita de cookie no site do David Lebovitz que se faz com manteiga com sal e uma pitada de sal também. A receita é um total sucesso. Os cookies levam chocolate. E muito. Você pega um cookie e ao ir comendo o chocolate deixa ‘resquícios’ nos seus dedos.  A receita original fala em nozes. Não usei nozes pois quando fiz a receita pela primeira vez ia levá-la para colegas do trabalho e um deles não come nada com nozes. E fiquei tão satisfeita com os cookies da forma como os fiz, que todas as outras vezes em que fiz a receita não acrescentei as nozes. Eles também duram bem. Digo isso pois uma vez os fiz no sábado, deixei numa latinha e levei ao trabalho na segunda. Ainda estavam ótimos. Ao fazer os rolos de massa, note que estes cookies se espalham bem, então caso você goste de cookies de tamanho pequeno, tente fazer uns rolos mais estreitos. Esta receita é sucesso certo. Agora note que é importante usar chocolate de boa qualidade.

Hoje é terça de carnaval, e por aqui se faz panquecas trandicionalmente. No próximo post vou dividir com vocês as que vou fazer.

Para quem não lê inglês aqui vai a tradução da receita. Para os outros vá ao site do David lebovitz pois a leitura de seus posts é sempre ótima – David Lebovitz Salted Butter Chocolate Chip Cookies

Ingredientes:

  • 115g manteiga sem sal em temperatura ambiente
  • 110g de açúcar tipo mascavo – do claro ou escuro**
  • 100g de açúcar cristal
  • 1 ovo grande em temperatura ambiente
  • ½ colher de chá de extrato de baunilha
  • 180g de farinha de trigo
  • ½ colher de chá de bicarbonato de sódio
  • ½ colher de chá de sal marinho
  • 200g chocolate amargo picado grosseiramente
  • 1 xícara de nozes tostadas e picadas – não usei mas fica a gosto

**não sei se no Brasil tem equivalente a light Brown sugar

Preparo:

Ponha a farinha de trigo, bicarbonato e sal numa tigela e reserve ( gosto de  passar o bicarbonato numa peneirinha pois costuma ter bolas). Coloque a manteiga e os dois tipos de açúcar numa vasilha e bata bem até a mistura ficar cremosa e clara. Bata o ovo levemente e acrescente à mistura, assim como a baunilha. Bata para incorporar. Transfira a mistura da farinha dentro da mistura da  manteiga. Prefiro fazê-lo em duas vezes. Pode parecer que não vai misturar, mas tenha fé que mistura. Acrescente o chocolate e misture. Caso vá utilizar as nozes, coloque-as logo após o chocolate. Gosto de dividir a massa e fazer dois rolos. Envolvo cada rolo em plástico tipo PVC, e levo `a geladeira de preferência de um dia para o outro. Caso contrário por pelo menos 4 horas.  O autor não faz os rolos. Ele só protege a massa e leva à geladeira.

Retire a massa da geladeira pouco antes de assar e deixe atingir uma temperatura mais perto da ambiente antes de assar. Ligue o forno – 180oC.

Forre uma assadeira com papel manteiga. Se tiver feito os cookies em rolos, corte rodelas médias para finas e disponha-as na assadeira deixando um espaço entre cada rodela pois elas vão se expandir bem ao assar. Caso tenha feito como o autor, faça bolas com a mão e ao colocar na assadeira dê uma leve achatada. Asse por 10 minutos – de preferência vire a assadeira após 5 minutos. Retire do forno ao final dos 10 minutos e dê uma leve achatada com uma espátula e devolva ao forno por uns 5 minutos mais – o propósito é dourar os cookies. Confesso que não fiz os 5 minutos adicionais e assei os meus por uns 13 minutos. Retire os cookies do forno e deixe esfriar na assadeira por uns 5 minutos antes de transferir para uma grelha para que esfriem completamente.

25 Comments
  • Paulo RT

    Responder

    Mas existe um açúcar mascavo, mais úmido e com aparência parecida com o mascavo escuro, só que mais claro.

  • Paulo RT

    Responder

    Quando a receita pede light Brown sugar, eu uso açúcar demerara.
    Tem a textura do cristal. Ambos se encontram facilmente no Brasil, inclusive com a mesma facilidade orgânicos.
    Para cookies ficam bem crocantes.
    Só de ler a receita, imagino um chocolate com 60% de cacau, de preferência de origem, africanos. E em lugar do sal marinho, usar flor de sal, um pouquinho mais, para deixar o chocolate bem nervoso.

  • Ana

    Responder

    Tambem adoro o David Lebovitz, me divirto com os posts dele. Vc ja leu o livro dele sobre Paris Valentina? Ainda nao tive tempo de ir atras do livro, mas to doida p/ ler, dizem q eh muito bom.
    Adoro a combinacao de salt chocolate, eh demais de bom.
    Tenho q dizer q seus cookies estao muito mais lindos do q os dele.
    Acho q esses seus cookies sao os cc cookies mais lindos q ja vi! To morrendo de vontade aqui!
    Beijos
    Ana

  • Maria

    Responder

    Valentina,

    Gostaria de saber qual a função de deixar a massa na geladeira? O cookies ficam mais crocantes ou macios? Você poderia me esclarecer?
    Muito obrigada.
    Beijo,
    Maria.

  • Carla Duclos

    Responder

    Oi Valentina,

    Que lindos estão os seus cookies. As receitas do David Lebovitz são sensacionais! Até hoje o que eu preparei dele deu super certo e ficou uma delícia! Esses cookies estão anotados. 🙂

    Vc chegou a vir pra Amsterdam? Eu te enviei um email, mas não sei se vc chegou a receber. Mande news. 🙂

    Beijo,

    Carla

  • Debbie Wonka

    Responder

    Oi Valentina! Amei a receita! Adoro cookies e esses ficaram lindos… farei, com certeza! Por falar nisso, tem receita sua lá no meu blog 🙂 Depois dá uma olhadinha! Beijoca

    • Trembom

      Debbie, estes cookies são muuito bons.

  • Suzana

    Responder

    Querida,
    Que sol maravilhoso! Caminhar assim é um presente dos deuses e a melhor maneira de apreciar a cidade. As famosas cookies têm de facto um aspecto fantástico e devem ser de comer e chorar por mais! Anotei para experimentação futura. 😉

    Beijo enorme*

  • Alessandra

    Responder

    oi Valentina
    to doida pra experimentar este cookie que ficaram maravilhosos…já tá na minha listinha pra fazer
    e que saudades dai me deu ver estas fotos!!
    Bjs

  • Letícia

    Responder

    Que paisagens mais lindas. Devem combinar perfeitamente com esses cookies 🙂

    Beijos!

    • Trembom

      Ah, com certeza que comer com um lindo visual é mágico.

  • Marina Bibas

    Responder

    Valentina, que difícil que foi entrar aqui! hehe! Ficava clicando no link que vai junto com seu comentário, e entra num blog seu mais antigo, e minha mãe falando que não era aquele!

    Mas achei, e amei! Nossa, esses biscoitos vão ser reproduzidos por aqui muito em breve!

    Cake pops são os famosos bolo no palito americano! Eu fiz, tem a receitinha no blog! http://doceconfissao.wordpress.com/2011/02/11/cinema-com-acucar-toy-story-cake-pops/
    Se ainda não conhece, experimente! É uma delícia!

    Fiquei muito feliz que você gostou do blog e espero um dia chegar aos pés das suas fotos!! hehe!

    Um beijo,
    Marina

    • Trembom

      Marina, teu blogue é muito bacana. Desculpe a confusão com os links. não sabia que isso estava acontecendo. Preciso ver o que é. Vou já olhar os cake pops no link que me mandastes.

  • sandra

    Responder

    Hummmmmmmmmmm adoro cookie, adoroooooooooooooooo mesmo!
    Anotei a receita e vou testa-la.
    Estou aqui babando…rs
    Beijinhos de fim de carnaval!
    Sandra

    • Trembom

      Sandra, se os ingredientes te agradaram tenho certeza de que não vais te arrepender. Depois Volta aqui pra contar.

  • Maísa

    Responder

    Valentina,
    Esses cookies estão de dar água na boca! E pelo jeito deve ser impossível comer um só… Beijkas.

    • Trembom

      Maísa, eu que não sou assim tão locus por cookies enchi a cara. Foi um horror.

  • Akemi

    Responder

    Esta espera pelo início da primavera é algo maravilhoso, uma espécie de renovação! Dá para se ver pela natureza com cores mais vivas e até no rostinho de felicidade das crianças!
    E estes cookies me deixaram bem curiosas! O contraste do sal com o chocolate deve dar uma sensação bem diferente na boca, preciso fazer! Ainda mais depois de ler que os cookies deixam resquícios nos dedos! Nhammm!
    Bjss

    • Trembom

      Querida, já não aguento mais este inverno. Está muito long, e securo. Acabei de ouvir no rádio que ainda vai ter uma última leva de neve. Faz sentido pois a temperature caiu terrivelmente. Quanto aos cookies, tenho certeza absolute que você vai adorar. Pen a que o Luiz não pode provar.saudades.

  • Barida

    Responder

    Tambem adoro o David Lebovitz e essas cookies ficaram um must 🙂 beijo!

    • Trembom

      Ele é o máximo, não?! Tem um humour ótimo.

  • Su

    Responder

    Apetece mesmo trincar essas bolachas… devem ser daquelas que não dá para comer só uma.
    As fotos estão girissimas 😀

    • Trembom

      Obrigada Su. E acertastes quanto a não se poder comer uma só.

  • Glau

    Responder

    Amei, Velentina. As fotos, os cookies. Fiquei com muita vontade de experimentar.

    Beijos pra vc, Glau

    Ps: Pena que na data que vc veio pra Bsb eu não estava aqui, queria ter te conhecido!

    • Trembom

      Glau, se fizeres adoraria saber se agradou. Na próxima visita nos encontramos. A época não é das melhorar pois todo mundo tem mutes compromissos de fim de ano.

Leave a Comment