Cingapura

12 Comments

Estou aqui em Cingapura já há 10 dias. Muito trabalho, dias longos. O calor e grande, bastante umidade. Hoje foi o primeiro dia em que consegui acesso a um computador com internet. Como estou dando treinamento passo o dia inteiro envolvida com a turma, e quando acabamos por volta das 18.30 / 19.00 tenho que preparar as atividades para o dia seguinte.

Esta cidade e o paraíso para os amantes de comida. Digo que apesar das 12 horas que faço no momento fico feliz, pois todo dia tiro o horário do almoço para comer com os colegas. Sempre ótimo. Diferente. Me encanta ver todos os cantos apinhados de gente nas mesas, comendo e papeando. Tem comida local obviamente, chinesa, japonesa, indonesiana, malasiana, italiana..

Em Cingapura se tropeça em restaurantes, cantinhos que vendem comida. Ate ver com os meus próprios olhos não poderia crer que se pudesse gostar tanto de comida. Existem uns centros chamados de hawker centers que reúnem uma enormidade de stands fixos (e moveis) e no centro ficam as mesas. As milhares de mesas. Tenho procurado tirar fotos para publicar depois, pois não trouxe o ‘descarregador’ de fotos. Trabalho do ladinho de um dos mais famosos, o Lau Pa Sat – clique no nome para dar uma olhadinha. Você se dirige ao stand que quiser e compra o que lhe agrada. Existem stands só de frutas, que vem picadas para você comer na mesa, ou às vezes nos espetinhos, já descascadinhas.. Tem também stands de sucos naturais, geladinhos..um pouco de tudo. Às vezes compro os pedaços de frutas já prontinhas para o consumo e deixo na geladeira no trabalho. Quando bate a fome vou lá e como. Vou sentir falta.

Outro dia fui a um restaurante indiano vegetariano. Seis dos jovens que estão no meu treinamento costumam almoçar lá quase sempre. E um restaurante ‘ charitable’. O que arrecadam vai para uma instituição. Se constitui de um buffet de pratos vegetarianos, muitos a base de dahl ( lentilhas), legumes variados, preparados de forma maravilhosa. Você se serve, depois passa por uma mesa cheia de copos e se serve de água ou suco de limão. De pacotinho. Ha também um cantinho com pratinhos pequenos contendo um pedaço de bolo de chocolate. O lugar e extremamente limpo e umas pessoas muito gentis ficam passando pelas mesas e recolhendo prato vazio, copo deixado para trás, se certificando de que tudo esta nos conformes. O mais incrível e que não tem cardápio, não tem preço. Você paga o que acha que o restaurante merece. Achei fantástico. E a comida e simplesmente deliciosa.

Fica aqui o meu agradecimento a minha querida Patrícia por estar selecionando as receitas que estão sendo republicadas na minha ausência. Obrigada querida. E obrigada a vocês que visitam e lêem. Deixam comentário. Consigo ler os emails no meu tel. Só não da pra responder, pois a tela e muito pequena, e o mais importante, a conexão daqui custa bastante. Desculpe a ausência do blog de todos, mas tem sido realmente difícil acessar a internet. A minha janelinha esta acabando então me despeço por agora.

12 Comments
  • Glauco

    Responder

    perfeitos os seus comentários !Estive em Singapura há 1 mês e realmente foi um lugar que impressionou muito, só de ler já deu saudades, aproveite bastante !!

  • Marcia

    Responder

    Aproveite mesmo!!!Que vontade de estar aí com você. Que experiência rica.ESperando poder compartilhar todas estas maravilhas.bjs

  • miki w.

    Responder

    tina querida, q delícia!um deleite ‘ouvir’ suas histórias aí de cingapura. queria ser um esquilo bem pequenino para andar na tua bolsa, rs!aproveite, amiga!bjs, miki

  • Cláudia

    Responder

    Estou gostando muito de suas notícias de Cingapura. Estou acompanhando, sempre que puder mande novidades do povo, da cultura, e das comidas. Deu uma vontade de encontrar frutas picadinhas e prontas para comer em qq lugar!Beijos e boa viajem!

  • Karen

    Responder

    Que delícia! Aproveite bastante!

  • Duly

    Responder

    Fiz uma viajem a Singapura com a sua narração!Aproveite bastante!

  • michel

    Responder

    mal cheguei e já me provocou inveja. Agora sou obrigado a voltar sempre.Adorei aqui.

  • Eliana Scaramal

    Responder

    Valentina também estou com muita saudade! Eu simplismente amei sua descrição do lugar, me senti aí. Estou curiosa pra ver as fotos!! Aproveite bem a viagem e volta logo em?! 🙂

  • Akemi

    Responder

    Valentina, que saudades! Adorei a descrição dos restaurantes e lugares que tem visitado! Estamos esperando ansiosas pelas fotos e mais detalhes da viagem! Aproveite por nós!!!

  • Bruna

    Responder

    Oi Valentina!Gosto muito do seu blog e sempre que posso dou uma passadinha…Adoro me aventurar na cozinha e mês que vem parto pro curso de gastronomia aqui no RJ. Queria te perguntar se tem alguma receita de bolo bacana para rechear e pôr cobertura, sem rachar ou desmoronar…rsObrigada e parabéns!Beijos

  • Elvira

    Responder

    Obrigada por dar notícias, querida Valentina! 🙂Eu também gosto muito dessa cidade onde estive muitas vezes em trânsito de voo… Saudades!Beijão.

  • Sara

    Responder

    Que maravilha, essa sua descrição de Singapura…a vontade de conhecer pessoalmente.Adoro as suas receitas!Um beijinho

Leave a Comment