Cingapura e Soja

17 Comments



Mr Bean ( clique ). Quando tive o meu primeiro encontro com Mr Bean pensei em duas pessoas imediatamente: minha amiga Tori e a Cris do From my home to yours.
Quando estive em Cingapura pegava o metrô para ir pro trabalho. O sistema de transporte é tão barbaro.Barato, eficiente e com ar condicionado. Não ria. Para quem utiliza o metrô de Londres nos horários de rush, trens hiper lotados e muitas vezes um odor corporal dúbio devido a higiene pessoal questionável, o metrô de Cingapura é bárbaro. Além do que o meu hotel ficava só uma estação depois do meu trabalho.
Um belo dia, ao subir a escada rolante que me levava do metrô a uma das inúmeras passagens subterrâneas, me deparei com uma fila imensa num kiosk ( será que escrevi errado?). O interessante é que na fila so haviam asiáticos pois estavamos no distrito dos bancos aonde ha um numero imenso de estrangeiros. Fiquei intrigada pois vi que ali não se vendia nenhum dos produtos que havia pesquisado: o café de Cingapura, adoçado com leite condensado, e nem a famosa torrada com manteiga com geleia de coco – kaya toast( postarei sobre ela aqui).
Bom, não demorou muito e decidi fazer fila também pois ‘tinha’ que descobrir o que estava sendo consumido pelos habitantes locais. E após perguntar a alguém na fila descobri que era uma bebida de leite de soja.Bebida esta que pode ser consumida quente ou fria. A razão de ser tão popular, segundo o rapaz na fila, é que a bebida é rica em proteínas. Por $2.50 – dinheiro local, você poderia pedir um ‘set’ : panqueca e leite. A panqueca vem recheada: pasta de feijão adzuqui ( o da foto), blueberry, queijo, chocolate kaya, amendoim ou atum. E o leite têm de vários sabores.
Fiquei só pensando se a Cris não poderia fazer estas panquecas pro pequetito dela que tem intolerância à lactose ( é isso mesmo Cris?). O mesmo se aplica a minha amiga Tori. Em Cingapura vi muitas bebidas a base de soja nos supermercados. E sempre me vinha a mente as duas meninas.
O tofu tambem e otimo. Aveludado..Lembrei-me da Ana e da Fer que haviam falado de bom tofu pra mim antes. Não encontro tofu como aquele por aqui – pelo menos não facilmente.
A foto não está muito bacaninha..mas fica a intenção da lembrança.

17 Comments
  • valentina

    Responder

    Cris, voce me deixou chorosa. Imagina amiga, acho que uma vez que as portas do coração se abrem as pessoas passam a nos acompanhar por toda a parte. bjcas

  • Cris

    Responder

    Oi Valentina! Sabe que ao ler seu post eu fiquei emocionada, imaginando como uma pessoa que eu só conheço graças ao blog poderia ter se lembrado de mim numa terra tão distante… eu estava meio tristinha aqui com uma situação recente e você me fez pensar que amigos verdadeiros são aqueles que conhecem nossas necessidades e demonstram a importância da amizade… É isso mesmo, meu filhinho não pode usar proteína do leite e substituo tudo (menos o leite condensado que não dá… é horrível). Então faço tudo com creme de soja, que tem um sabor parecido com o creme de leite e os outros filhos que podem usar leite não sentem a diferença. Um beijão!

  • valentina

    Responder

    Duly, é bom dividir.Que bom que outras pessoas curtem a viagem também.Dinha, estou de acordo.Eli, que bom amiga.Clarice, vou dar uma pesquisada em Obanyaki. Valeu a dica! Agda querida, agora me senti uma anta: tomei a minha fria. e gostei, apesar de nao ser fã de leite de soja. Ele é ralinho! só nao tomei o copo todo por ser grande.Gisele, vou anotar esta dica da Liberdade e dar uma olhada na minha proxima visita ao Brasil. obrigada!Fer, passei a gostar da pasta doce tambem pois estava presente em mil coisas. So comia o feijao em saladas, ou numa feijoada meio vegetariana que preparava antes desta visita Ana, vou tentar passar as minhas impressoes. Elaine, só te entendo. Também não tenho todo este tempo. E dureza a maratona bloguistica.Volte sempre que puderes.Pat,voltei cheia de boas memorias amiga. Ah, o recheio..é um acquired taste amiga. Marcia, sou uma xereta.Bella, deixa eu dar uma olhada para ti.Bia querida, sem computador por um tempão. Terrível!!Saudades também. Josefa, passa quando podas.Tuas visitas sao sempre bem vindas.

  • JoSefa

    Responder

    Falta de tempo…falta de tempo… Queria tanto que o dia tivesse 50 horas! Mas ainda assim, consigo separar pelo menos um minutinho e vir aqui te deixar um abraço e dar uma olhadinha não só nas receitas mas tb nos seus relatos.Beijossssssssssssssss

  • bia

    Responder

    Oi Valentina, esta tudo bem com vc ? Saudades das tuas receitas ! bjs

  • bella

    Responder

    olá, valentina, tudo bem?não estou conseguindo visualizar a receita daquela salada bazargan, o link vai para a salada morna de lentilhas!se vc ainda possuir a receita e for possível, vc enviaria ao meu email? bellaferraro@hotmail.com grata!

  • Marcia

    Responder

    Sempre inventando e descobrindo coisas boas, um beijo Valentina

  • Patricia Scarpin

    Responder

    Amiga, fico feliz por você ter conseguido se divertir um pouquinho na viagem a trabalho.Gostei da panquequinha mas confesso que teria escolhido um recheio diferente, chocolate, talvez. 😉

  • Elaine

    Responder

    Valentina, faz tanto tempo que não venho aqui nesse cantinho… Falei pra Laila, que também me visita sempre, que meu dia precisaria ter pelo menos 30 horas pra eu dar conta de tudo! E olha que ainda estou fazendo planos de engravidar. ((risos))Menina, que saladas maravilhosas… Fiquei encantada com a de melancia (minha fruta favorita) e a de morangos, então? hummmmPreciso te visitar com mais frequência, pois sai muita coisa gostosa dessa cozinha.Um abraço querida!

  • Ana

    Responder

    Hummm, parece bom!! O bolinho, o leite, gostei! Ja vi q teras posts interessantes sobre a viagem a Cingapura, ne!!Beijos!Ana

  • fezoca

    Responder

    Valentina, eu gosto muito do tofu, mas o leite de soja eu nao gosto… li coisas horriveis sobre esse grao, que precisa ser consumido fermentado. Ah, esse bolinho esta tentador. A pasta de feijao azuki eh uma delicia! 🙂

  • Gisele

    Responder

    Olá, querida!Obrigada por esses posts tão legais.Já comi um doce parecido c/ esse lá na Liberdade. Vc já viu? Será a mesma coisa?Bjs aqui de Sampa.

  • Agdah

    Responder

    A panqueca parece com sonho, daqueles nossos. Mas venha cá agora fiquei curiosíssima, afinal, você tomou a bebida quente ou fria? E gostou? Tem gosto bom? Tava doce? É grossa ou ralinha?

  • Akemi

    Responder

    Esta panqueca lembra muito um doce daqui chamado “obanyaki”. Deve ser uma delícia acompanhado com este leite de soja. Fico feliz por você ter encontrado um tofu com “gosto bom” em Cingapura. Creio que a soja utilizada deve ser de boa qualidade, não? Vou aguardar os novos posts sobre sua viagem! 😉

  • Eliana Scaramal

    Responder

    Eu também consegui viajar com você amiga!

  • Dinha

    Responder

    Como é bom através desse mundo dos blogueiros, poder conhecer um pouco de cada lugar, através de tantas pessoas que passam a ser queridas em nossas vidas!

  • Duly

    Responder

    Viajei na sua história,conheci um pouquinho de Singapura!

Leave a Comment