Casadinhos de Geléia da Fazenda Pinhal

10 Comments

Ganhei um livro lindo da Karen intitulado Fazenda Pinhal – Caderno de Receitas e histórias de família. Foi escrito por Helena Carvalhosa que é bisneta do Conde e da Condessa do Pinhal. Helena colecionou mais de 200 receitas para o livro. Achei esta resenha aqui – é só clicar e ler. Muito interessante.Esta receita que publico é de Marcelo Barreto Ribeiro e foi dada quando ele tinha 11 anos de idade.Creio que ele é amigo da fam´lia.

A fazenda foi declarada Patrimônio Histórico Nacional . A área da fazenda compreende a Casa Grande, os Terreiros, a Tulha, o Pomar, a antiga Senzala, pastos, plantações e 2 ribeirões e mata nativa. É um conjunto arquitetônico representativo do segundo ciclo do café – 1850. O pomar foi inspirado no Jardim Botânico do Rio de Janeiro, com ruas de musgo, bambus-gigantes e palmeiras imperiais, e é imenso.

A fazenda dispõe de 14 quartos para hospedar visitantes. Visitem o site da fazenda para ver fotos de tudo, detalhes sobre como se hospedar – Fazenda Pinhal. Estou apaixonada e quero muito poder visitá-la numa futura viagem ao Brasil. Enquanto a visita não chega me contentarei em lhes passar esta receita de casadinhos de geléia que está no livro e que é de um dos membros da família.

Esta foi a minha primeira aventura com casadinhos e as pessoas que provaram aprovaram. Usei uma geléia 100% orgânica de atemóia produzida pelo Engenho da Terra de Campos de Jordão, que produz geléias de frutas com ingredientes naturais, cultivados sem agrotóxicos ou adubos químicos, sem corantes ou conservantes e com adição de açúcar orgânico certificado pelo IBD (Instituto Biodinâmico). A atemóia é uma fruta híbrida conseguida através do cruzamento da pinha com a cherimóia (clique aqui para ver foto). Não conhecia esta fruta, mas minha mãe e irmão já conheciam.Para não fazer este post muito longo sugiro que clique aqui para ler sobre ela.

E vamos à receita:

Ingredientes

  • 1 xícara de açúcar
  • 1 ½ xícara de manteiga
  • 2 gemas
  • 1 colher de sopa de essência de baunilha
  • 1 pitada de sal
  • 1 xícara de amido de milho
  • 2 xícaras de farinha de trigo

Para o recheio:

  • Geléia da sua preferência
  • Açúcar a gosto

Ligue o forno em temperatura média – 160°C.

Misture bem todos os ingredientes da massa, até que fique lisa e uniforme. Coloquei tudo num processador. Estenda a massa com um rolo sobre a mesa enfarinhada numa espessura de 0,5 cm. Corte em rodelas.

Coloque numa assadeira rasa boa para biscoitos. Não precisa deixar muito espaço entre cada rodela, pois elas não se espalham.Só crescem para o alto um tiquinho. Leve ao forno por 10 minutos aproximadamente. Retire do forno e ponha em grelhas para esfriar.

Quando frios espalhe geléia em cada lado e use uma outra rodela para pôr encima – como biscoito recheado. Polvilhe com açúcar – usei o de confeiteiro.

10 Comments
  • Edilia Heck

    Responder

    A massa dos casadinhos deve ser bem fácil de fazer e eles protos, da vontade de comer.Edilia.

  • Regina

    Responder

    Valentina, a Fazenda Pinhal é um dos lugares q ainda visitarei e atemóia, nossa, é uma das minhas frutas preferidas!

  • Sonia Novaes

    Responder

    ValentinaQue o ano de 2007 seja para voce, um ano de muito sucesso, de muitas alegrias e de muita saúde.Também tenho esse livro que vc mencionou…mas ainda nãi fiz nenhuma receita…rsss…Morei numa região em Minas, que havia uma plantação muito grande de atemóia…foi lá que comi pela primeira vez essa fruta deliciosa…aqui em Campinas ela é cara…mas em Minas é muito barato…Um grande beijo para vc e sua família…Sonia Novaes

  • Karen

    Responder

    Que bonitos! Eu testei poucas receitas do livro, vou ver se me aventuro mais! Beijos!

  • Anonymous

    Responder

    Amiga, que coisa mais linda estes biscoitinhos, adorei!A massa é boa de estender com o rolo? Ela ficou firme mesmo com o calor, amiga?Estão lindos. E sempre que venho aqui aprendo algo novo, além das receitas. Adorei essa fruta. Bonita e diferente!

  • saskia valeska

    Responder

    casadinho é um de meus doces prediletos!!derretem na boca..hummmm

  • saskia valeska

    Responder

    Valentina, Há meses venho fuçando teu blog,que descobri por acaso em um desteslampejps de sorte;cada vez que acesso é uma surpresa deliciosa,ésuma fada da cozinha. Sou chef de cozinha,mas uma apaixonada pela culinária domésticae por pessoas que sabem fazer delasuma dela uma arte surpreendente Então dia destes leio aqui que és nascida na mesma cidade que eu e tens familia na região do cariri como eu,rs! Também não vou ao Crato a muitos anos,e na verdade nunca morei lá,mas como tu tenho família lá,e jamais esquecerei do aroma,sabor e cores de minha infância nas cozinhas do sul do Ceará que tanto me influênciaram a ser o que sou. beijosssssssschef Saskia Macêdo

  • Téia

    Responder

    Querida Valentina: Sou aquela amiga da Ana Paula que teve o GRANDE privilégio de ganhar uma caixinha dourada cheia de casadinhos recheados de doce de leite e pasmem, de geléia de atmóia. Simplesmente divinos! Amei! Você foi extremamente gentil, muitíssimo obrigada. Acho que é de família, porque seu irmão mora no meu coração e sua mãe é um amor. Adorei todo o seu blog, seu jeito de escrever é de quem é apaixonada e entendedora de cozinha. Fiquei “doida” para fazer todas as receitas, a seleção é original, fina, e leves, enfim, maravilhosa. Pelo jeito, temos gostos parecidos para comida, muita massa, pães, bolos, salada, peixinho, frutos do mar e uns docinhos porque ninguém é de ferro…Espero poder lhe conhecer pessoalmente e trocarmos idéias e receitas.Grande beijo e um 2007 maravilhoso. Téia.

  • Damelum

    Responder

    Valentina,Sou leitora assídua do seu blog, há já algum tempo. Parabéns pela arte e carinho que coloca na forma como, tão gentilmente, partilha o se talento. São já inúmeras as receitas que tenho feito a partir das suas sugestões. Um grande beijinho e um óptimo ano para si.

  • brisa

    Responder

    amiga..ainda nao entendih onde voce esta, mas esta tudo uma delicia o teu blog:)) As frutas, os bolos as tortas..ai ai..Fiz teu dip de tomates secos com canelinni no Natal e foi um sucesso. Durou pouco, pois fiz soh uma receita..que de-la!! A unica coisa que mudei foi o vinho, pois nao tinha um tinto sobrando, usei o branco..Acho que com o tinto, a cor e sabor seriam ainda mais distintos!! Obrigada!!Bjs e Feliz 2007:))Bri

Leave a Comment