Café turco cremoso – Desafio Chá da Tarde

12 Comments

Estava louca para participar deste evento. Achei a idéia tão bacana. Já pensou um chá virtual? Só não é melhor por não se ter a oportunidade de beber as outras bebidas. Tinha escolhido um chá com canela, botão de rosas secas e rambutan e mel. Uma rec eita bem asiática. Rambutan é uma fruta que se encontra muito na Ásia. É parenta do lychee, e é assim meio peludinha. Clique aqui para ver fotos. O chá fica lindo no copo com os botões de rosas secos flutuando. Mas não achei o rambutan. Então resolvi preparar uma bebida que se feita mais grossa vira um creme de sobremesa.

Esta receita se encontra em um lindo livro que tenho chamado Turquoise. É uma viagem culinária pela Turquia. A bebida leva pó de café turco, cardamomo, creme de leite fresco, canela, chocolate ralado, ovos e açúcar. O sabor de especiarias me leva a terras distantes e divinas. Derramei um pouquinho de leite ao preparar a infusão para que ficasse um pouco mais líquida. Para fazer o creme não use o leite. Só os ingredientes listados.

Ingredientes:

Para 8 pessoas:

60g de pó de café turco

4 sementes de cardamomo,levemente partidas

1 pau de canela

250ml de creme de leite fresco

50g de chocolate amargo de ótima qualidade, ralado

5 gemas de ovos de granja – preferivelmente

¼ de xícara de açúcar bem cheia

Preparo:

Umedeça o pó de café com um pouco de água e coloque num pano tipo tecido de fralda, juntamente com o cardamomo e a canela. Amarre uma trouxinha. Coloque o creme de leite numa panelinha, seguido da trouxinha com o café, cardamomo e canela.*Coloquei um pouco de leite também pois queria uma textura mais fina que a de creme, algo que fosse mais para bebida. Leve ao fogo, e assim que começar a ferver baixe o fogo e deixe aferventar por uns 5 minutos. Desligue o fogo e deixe fazer infusão por mais ou menos 1 hora.

Esprema bem a trouxinha para que o creme absorva todos os sabores. Leve o leite ao fogo baixo e acrescente o chocolate ralado. Mexa até que todo o chocolate se derreta.

Numa tigela separada coloque as gemas e o açúcar e bata bem com um fouet. Vá acrescentando o leite e mexendo com o fouet até que a consistência fique homogenêa. Leve a mistura ao fogo novamente – fogo baix0, e mexa até que a consistência fique bem cremosa – como um chocolate quente. Quando fizer a receita como creme, deixe atingir consistência de mingau – custard. No caso de fazer o creme, para ver o ponto faça o teste da colher :ao passar o dedo na parte de trás vai deixar um ‘caminho’ na colher. Transfira imediatamente para uma vasilha e a ponha em outra com gelo para trazer a temperatura bem para baixo.Depois leve à geladeira até a hora de servir. Caso faça como eu, preparando a bebida ao invés do creme, sirva-a assim que ficar grossa.

12 Comments
  • Magia na Cozinha

    Responder

    Deve ser fantástico! Gostaria de provar!Bjs 🙂

  • Simone Izumi

    Responder

    valentina, que loucuraaaa!!!! preciso experimentar!!!!bjs

  • espressa-mente!

    Responder

    fantastico…irei provar!

  • Cris

    Responder

    Uma bebida dos deuses… Ficamos muito contentes com sua participação! Beijos!

  • Marcia

    Responder

    Este café me parece muito especial. Acompanhado de bom papo acho que é especialíssimo. Deixou vontade imensa de participar ao vivo destes eventos. bjos, bom domingo

  • grazi

    Responder

    nao bebo café … mas esse seu me deu água na boca!!!!

  • Leila

    Responder

    Uau Tina, que combinacao fantástica.ontem mesmo estava falando com a Cris sobre as receitas que recebemos, o pessoal caprichou mesmo e o resultado do task deste mes está lindo.boa sorte e obrigado pela participacao.beijinhos

  • Akemi

    Responder

    Amiga, suas descrições me transportou para a Turquia! Quem me dera um gole também deste néctar! Bjs

  • laila

    Responder

    umm as gemas devem deixar aveludada esta ebbida qe parece tão maravilhosa..bom só pdoe sre com canela, café, chocolate, creme..humm tuod em plena sintonia!!bjs querida

  • ameixa seca

    Responder

    Estou a imaginar o cheiro deste café… cheio de aromas. Queria um gole 🙂

  • Renata Boechat

    Responder

    Fui eu que comentei…rsss…não sei pq saiu anonimo,desculpe!

  • Anonymous

    Responder

    Que fantástico! Amei a idéia!Ranbutan, pelo que pude ver é mesmo a lychia, deliciosa…mas não me passa pela cabeça lychia em preparações quentes, apesar de saber que no Oriente, ela é super usada em sobremesas…De novo,bárbaro!!!

Leave a Comment