bolo de caqui

21 Comments

Estou de volta à minha casa, em Guildford. Olho pela janela e não vejo a verdura do jardim da minha mãe. Meus pais têm um lindo jardim. muitos anos de muito cuidado. Fui privilegiada e não sabia. Privilegiada por acordar pelas manhãs, abrir a janela e ver um verde bonito.. e ao fundo o horizonte. Amo Brasília. Lembro sempre das árvores do cerrado, da época seca. e de como Bsb fica bonita quando chove. Quando estive em casa recentemente só queria ficar lá. Na verdade queria sair, fazer mil coisas. Mas também amava ficar só em casa, com a minha família, minha linda sobrinha. Esta menina tão linda que é a Catarina. E acabei nem vendo todas as pessoas que queria ver como, por exemplo, o Daniel, a minha amiga Wanda, a Teia.. Mas apesar de tudo consegui usar a cozinha da minha mãe e fazer um bolo de caqui que agradou e muito a muita gente. As fotos não ficaram boas, e não queria colocá-las. Mas a pedidos dos que comeram o bolo e gostaram, posto a receita e coloco as fotos aqui, mesmo feias.

Dividi a receita em cupcakes e um bolo. Fiz seis cupcakes que servimos para amigos dos meus pais. O meu irmão decorou os pratinhos de servir lindamente. Ele cortou fatias bem finas de maçã, esquentou-as levemente na manteiga e forrou o fundo do prato. Colocamos os cupcakes por cima, e ele polvilhou ao redor com canela. Show! Depois também usei uma forma de bolo inglês para assar o bolo de caqui para a Maria, uma amiga da minha mãe que mora na mesma rua.

A receita é do site de alguém que admiro imenso, e que sempre colocou o Trem Bom na lista de blogs dela – I dream of dessert. Ela tinha um outro blog anteriormente, igualmente maravilhoso. A única alteração que fiz foi que usei o purê do caqui, batido no liquidificador e depois coado. Tinha caqui para todo lado em Brasília e achei que seria o local e época perfeita para fazer a receita. Acho que o purê do caqui contribui muito para o produto final. O segredo aqui é usar tudo muito fresco.

Ingredientes para o bolo** converti os ingredientes da receita original usando a pagina de medidas do meu site de cupcakes

  • 1 xícara de pecãs/nozes
  • 150g cenoura ralada no ralador fino
  • 225g purê de caqui
  • 3 ovos grandes
  • ½ xícara de coalhada(125ml) ( comprei no supermercado – na Inglaterra teria usado buttermilk)
  • 1 colher chá extrato de baunilha
  • 2 xícaras de açúcar ( 380g)** a medida original é 450g
  • 1 xícara de óleo de cânola ( 250ml)
  • 3 xícaras de farinha de trigo ( 330g)
  • 2 colheres chá fermento para bolo
  • 1 colher chá bicarbonato de soda
  • 1 colher chá sal
  • 2 colheres chá canela em pó

Ingredientes para a cobertura:

  • 220g manteiga em temperatura ambiente
  • 1 pacote de cream cheese ( umas 200g)
  • 400g açúcar de confeiteiro peneirado
  • 1 colher chá de extrato de baunilha

Preparo do bolo:

Pre aqueça o forno – 180oC.

Unte as forminhas para os cupcakes(ou qualquer forminha que queira usar) e depois polvilhe-as. Bata o excesso fora e reserve.

Toste as pecãs/nozes no forno por uns 5 minutos. Deixe esfriar e pique as nozes/pecãs. Reserve.

Coloque a cenoura ralada e purê de caqui numa vasilha, misture com uma colher.

Acrescente os ovos, coalhada, baunilha, açúcar e óleo vegetal, e de mais uma mexida. Numa outra vasilha ponha a farinha de trigo, o fermento, sal, bicarbonato e canela, e misture bem com o fouet. Coloque a mistura com a farinha na mesma vasilha aonde está a mistura com a cenoura e caqui. Por fim coloque as nozes/pecãs.

Divida a mistura igualmente pelas forminhas de cupcakes, ou entre duas formas de bolo inglês. Enche as formas até ¾ . Asse por uns 22 minutos. Na minha experiência, para as formas de bolo inglês você necessitará de mais tempo .Tipo 40minutos.

Quando ficar bom retire e desenforme. Deixe esfriar.

Enquanto a mistura esfria, faça a cobertura. Simplesmente misture o cream cheese , com a manteiga, açúcar de cobertura e extrato de baunilha. Pare assim que obtiver uma mistura homogênea.

Quando o bolo estiver frio, revista com a cobertura , e coroe com a fatia de caqui desidratado/seco.

fatias de caqui esperando para ir ao forno

Caqui desidratado:

2 caquis firmes

Pre-aqueça o forno ( 140oC)

Corte fatias bem finas de caqui com um mandolim. Espalhe todos numa vasilha e esprema sumo de limão por cima. Reserve.

Ponha uma xícara (250ml) açúcar para a mesma medida de água e deixe o açúcar se dissolver. Baixe o fogo e agora deixe reduzir um pouco .Coloque as fatias de caqui na panela e deixe cozinhar por uns 2 minutos Transfira para um prato, e depois para assadeiras forradas com papel manteiga e deixe esfriar.

Ponha a assadeira no forno, e deixe assar por pelo menos 45 minutos em temperatura baixa. Depois trasfira para um prato para que sequem.

Fonte: I dream of dessert

21 Comments
  • Maria Beatrix

    Responder

    Valentina, fiz este bolo ontem. Muuuuito bom mesmo. O caqui meio que desaparece mas o bolo tem um que de diferente. Nota 10. Achei engraçado as várias pessoas que comentaram que nunca pensaram em fazer nada com caquis, apenas comê-los in natura. Arroz de caqui é uma delícia, usa-los em molhos para aves ou peixes tb é uma ótima opção.

  • Verena

    Responder

    Val, que delícia de bolo! Tinha lido o comentário da filha da vizinha da sua mãe e também estava aqui aguardando a receita do Bolo de Caqui! Confesso que não consigo imaginar o sabor, mas deve ser algo muito bom! As fotos estão ótimas e adorei o modo como você descreveu a receita e a delícia de ficar em família!
    Vou anotar já para fazer!
    Aqui os caquis estão em alta!
    Beijos!

  • Glau

    Responder

    Valentina, olha como as coisas são engraçadas.. acabei de me mudar para Bsb, faz um mês que estou aqui e apesar de ter me encantado por Bsb sinto mta falta de SP. Mas dai vc pensa: mas SP tem tanto trânsito, poluição, caos.. mas não é isso! família é tudo! só de saber que posso encontrá-los dali 5 minutos, isso conforta mto! Gosto daqui, minha vida está sendo construída agora pra este lado, mas meu coração ainda está mto ligado ao da minha família! Não importa pra qual cidade nos mudamos, mas a nossa casa sempre será nossa casa!
    Fico feliz que vc tenha curtido bastante seus pais, sua sobrinha, o jardim!

    Um beijo com carinho, Glau
    Ps: o bolo ficou lindíssimo, como tudo que vc prepara! Vc é mto caprichosa!

  • Ana

    Responder

    Feias, feias aonde amiga?? Estao lindas as fotos e agora estou aqui querendo que tivesse um montao de caqui para eu comer tbem! Adoro caqui, eh tao gostoso! E como os do Brasil nao ha!!
    Somos mesmo privilegiadas viu Valentinas, abencoadas por termos crescido em contato com a vida simples do Brasil. Eu tenho muitas recordacoes da casa da minha avo, de abrir a janela e ver o verde, as arvores de frutas no quintal… nao ha nada melhor q isso. Ainda bem q eu aproveitei muito na epoca, pois agora eu vejo o quanto eu era feliz e nao sabia!
    Beijos
    Ana

  • Anonymous

    Responder

    Oi Valentina, sou eu de novo, a Ana Carolina, filha da Maria. Ai que legal que vc já colocou a receita do bolo. Vou ver se faço ainda esta semana!!! É pq a gente não tem a forma de bolo inglês e eu quero fazer igualzinho ao seu. Mesmo quem não gosta de caqui pode fazer este bolo, pois não fica com gosto, já que o caqui tem um gosto muito suave. Ninguém vai descobrir do que ele é feito. O bolo fica muito macio, úmido. Fica bem refinado!!! Parece feito numa confeitaria chiquérrima. Quem fizer vai se surpreender com o resultado.
    Já fiz o seu “Bolo de maçã da Fazenda”, fez o maior sucesso aqui em casa. Tirei até foto!!! ahahahaha Minha irmã falou assim pra mim: Só quer ser a Valentina!!! ahahahahahaha. Já copiei várias receitas suas no meu caderninho de receitas, esperando para serem feitas. Depois te conto como ficaram. Ah, e achei o seu site que ajuda a converter as medidas dos ingredientes. Vai ser muuuuuuito útil pra mim. Já anotei no meu caderninho tb.
    Menina, fiquei alucinada com esse tal de “curd”. Nunca tinha ouvido falar nisso!!! Logo eu, que amo coisas azedinhas, acho que vou ficar enlouquecida quando experimentar. Que tal se vc fizer um especial “curd”? Ensinando a fazer o de limão, laranja, maracujá, tangerina. Acho que iria fazer o maior sucesso!!!
    Beijos

  • angela

    Responder

    como diriam os mais amtgos que eu, uma pintura, adorei!

  • Cucchiaio pieno

    Responder

    Querida Valentina, que bom que esteve com tua familia, fui lendo o que escreveu e sentindo uma saudade imensa dos meus! Que torta delicada. Um abraço. Léia

  • Karen

    Responder

    Receita apaixonante…. Adorei a idéia! 🙂

  • Gina

    Responder

    Gostei da ideia de desidratar o caqui.
    As fotos ficaram muito boas, não seja tão exigente…
    Bjs e bom final de semana!

  • ameixa seca

    Responder

    Aqui chama-se dióspiro e eu adoro mas só comi ao natural! Deve ficar super bom num bolinho 🙂 Ainda por cima com nozes pecãs que eu adoro!

  • Patricia Scarpin

    Responder

    Fico feliz por você resolver postar a receita, Tina, pois nunca fiz nada com caqui a não ser comê-lo ao natural – minha mãe amava tanto esta fruta!
    Vou querer provar este bolo.

  • Ana Powell

    Responder

    Olá Valentina
    Eu acho que ficou tudo uma maravilha, ainda bem que publicaste a receita.
    Muito boa
    Feliz fim de semana x

  • Gourmandise

    Responder

    ficou tão delicado decorar com esta fatias secas de caqui…
    bjo

  • Simone Izumi

    Responder

    Ficou muito lindo o seu bolo, tina! Adoraria provar um teco, um nhac, um nham,nham….rsss..
    Que bom que aproveitou a cozinha da mamãe e imagino como deve bater saudades….se cuida,dear!
    bjos
    si

  • Téia

    Responder

    Que lindos Tina….Achei uma receita muito original, imagino que deliciosa também. Que pena não ter dado certo nos vermos, mas na próxima, sem falta. Muito obrigada pelo presente maravilhoso, adorei. Em breve receita no banquetes…Força na peruca aí para voltar a trabalhar e um bj estalado na bochecha. Téia.

  • Letrícia

    Responder

    Sou suspeita para falar de Brasília, que é a minha cidade. Para mim, ela é linda – as outras cidades é que são estranhas 🙂

    Bolo de caqui deve ser bem gostoso – pelas fotos, você usou o rama forte, que é aquele molinho, né.

    Beijos!

  • Tânia Saj

    Responder

    Ah, Valentina…se eu tivesse essa receita ha algum tempo….ganhei uma caixa imensa de caquis e não sabia o que fazer com tantos….
    Agora já sei!
    Saudades de vc….
    Beijão

  • Cláudia

    Responder

    Tina, deve ser uma delícia esta receita, aqui tem caqui por todo lado também. Uma época perfeita para experimentar receitas com esta fruta, nunca faço, só o como em natura.

  • Natércia

    Responder

    Valentina uma maravilha como sempre! Amei um beijinho…

  • Joana G.

    Responder

    seu bolo ficou muito apetitoso!
    não sou uma grande fã do caqui, mas seguramente experimentaria!

    =)

  • grazi

    Responder

    vc e’ muito modesta!!!

    esta’ maravilhoso!!!!!

Leave a Comment