As madeleines de farinha de milho e goiabada…será que virou madalena??

16 Comments

Estive num evento de lançamento do novo livro do Michel Roux – Desserts. O evento foi na La Fromagerie. Foi composto de uma refeição com suflê assado duas vezes, vinhos, degustação de queijos e um taste plate contendo algumas sobremesas do livro. Ao final serviram chá e/ou café acompanhados de mini suspiros com pedacinhos de ameixas. Foi uma noite excelente e o chefe de pâtisserie é uma pessoa extremamente agradável e conversadora. No começo do evento e depois entre cada prato ele se levantava e nos deliciava com sua boa prosa, deixando oportunidade para se fazer perguntas. E também dizia a equipe que estava a nos servir que não se acanhassem e mandassem sentar quando apropriado. Quando se empolgava muito seu sotaque francês se acentuava muuito. É fascinante como a linguagem emocional fala forte. Na mesa em que estávamos havia um casal extremamente agradável, o que nos fez curtir ainda mais o evento. Saí de lá com livro assinado, barriga cheia e com um sorriso imenso.

Na primeira oportunidade que tive abri o danado do livro para escolher uma receita e ligar o forno. Já bati de cara nas madeleines. A receita original é de mel com pimenta rosa. Fiquei assim em pé na ponta da cozinha meio que frustrada, pois nem tinha a pimenta rosa. Então resolvi que ia improvisar, pois afina já tinha me preparado psicologicamente e já tinha dona para as madeleines. Então resolvi usar o kimilho que tinha em casa, goiabada e porque não sementes de papoula para dar um charmezinho ao visual. E assim foi que nasceu esta receita. Poderia ter colocado uma sainha de chita em cada uma das madeleines para ficar assim com jeitinho de roça. A amiga que presenteei com as madeleines me disse que ao por uma na boca pensou imediatamente em broa. Só faltou o cafezinho.

Na primeira leva eu havia colocado muita goiabada, e elas como que sangraram na forma, ficando grudadas. Diminui a quantidade e o tamanho dos pedaços. Ficou bem melhor. Acho que da próxima vez vou fazer com marmelada quem sabe farinha de espelta.

Perdão pela qualidade das fotos mas estou com máquina emprestada e apanhando. Minha máquina parece ter realmente me abandonado.

Ingredientes: 

  • 2 ovos grandes em temperature ambiente
  • 70g açúcar refinado
  • 15g açúcar mascavo claro
  • Pitada de sal
  • 50g farinha de trigo
  • 40g farinha de miho
  • ½ colher chá fermento para bolo
  • 90g manteiga derretida e esfriada levemente
  • 10g mel – daquele que escorre fácil
  • Semente de papoula a olho
  • Goiabada picada em pedacinhos *
* eu calculei dois pedacinhos por madeleines – usando forma pequena

Preparo:

Pegue a forminha de madeleines, unte e leve à geladeira.

Bata os ovos levemente e acrescente os dois tipos de açúcar e o sal. Use uma colher de pau para bater a mistura, e só pare de bater quando a mistura ficar de cor clara. Acrescente a farinha de trigo e fermento e bata por uns 30 segundos para que os ingredientes se incorporem. Não fique tentada a bater por mais tempo. Bote fé em mim. Por último acrescente as sementes de papoula e use um fouet para incorporar delicadamente.

Acrescente a manteiga derretida e o mel e mexa até que a mistura fique uniforme. Cubra a deixe reservada por uns 20 minutos. Fora da geladeira. Pré-aqueça o forno – 220oC.

Passado o tempo indicado retire a forma da geladeira e use um saco de confeiteiro ou colherzinha para dividir a massa entre as forminhas. Ponha somente 2/3 da mistura. Depois distribua os pedacinhos de goiabada.

Asse por uns 4-5 minutos. Lembre-se que a temperatura do forno é alta. Retire do forno e deixe esfriar numa grelha imediatamente. Meu conselho é que você as coma ainda morninhas.

16 Comments
  • Renata

    Responder

    Tina, adoro a sua criatividade com os ingredientes. E bom, tem ‘trem’ melhor que fubá com goiabada?!

    Beijo!

  • marianapp

    Responder

    Menina, que é isso?? as madeleines estão com uma cara ótima! vc já sabe q essa é mais uma receita que irei copiar daqui…rs. Minha tia faz um bolo de fubá com pedacos de goiabada que fica divino!!!

    Parabéns pela criatividade!!
    bjs

  • Patricia Scarpin

    Responder

    Adorei a sua invencionice com as madeleines, Tina – ficaram maravilhosas! Vou ter que experimentar também!

  • Gina

    Responder

    Tina,
    Que bom estar de volta!
    Olha a sintonia aí novamente. Fiz um bolo com flocos de milho e goiabada cascão que ficou uma coisa de louco! Agora, chego aqui e encontro essas madeleines com toque brasileiro. Só não tenho as sementes de papoula, mas ficam bons do mesmo jeito.
    Bjs.

  • Lylia

    Responder

    Oii Valentina,
    Esse é o tipo de evento que adoraria ter pariticpado!
    Essa inovação das madeleines deu todo o charme brasileiro.
    Bj,
    Lylia

  • photoarte

    Responder

    Tina queridona, adoro seu blog!
    Repetitivo né mesmo…rs
    Mas tenho sempre que lhe falar que adoro seu blog e adoro tb pegar carona nos seus passeios…vc andou sumidinha.
    Bem, vamos a receita maravilhosa, mas não tenho as forminhas.
    Vou comprar logo, logo, pq fiquei aqui babando no teclado.
    Vc sabe como boa mineira adoro goiabada.
    Coisa de mineirim, goiabada e queijo, hummmmmmmm trem bão danado! rs
    Madalena de goiabada, bem minerim, adorei mesmo a ideia.

    Beijinhos e inté.
    Sandra.

  • Akemi

    Responder

    Querida, nem preciso dizer que amei sua versão de madeleines, ne? 😀
    E este evento deve ter sido um sonho, boa comida, boa companhia… noite perfeita! Bjss e saudades!

  • Cristina

    Responder

    Olá Valentina, com ou sem fotos, suas receitas são imperdíveis!
    Acredita que tenho as forminhas e ainda não as usei?? terei que rever essa falha!rs…
    Boa semana…

  • Anamaria Rossi

    Responder

    Adorei a receita, Valentina! Sabe que meu ateliê iria se chamar Maria Madalena só por causa das madalenas com gostinho brasileiro? Rs… No fim acabei incorporando a Donana e dei o nome dela ao ateliê. Inauguro agora em novembro. Quando vier a Brasília você é minha convidada muito especial!
    Beijo.

    • Trembom

      Ai Anamaria, que bacana. Já me alvorocei. E levo as madaleines.

  • Claudia Lima

    Responder

    Eu adoro esta combinação de ingredientes: Farinha de Milho e goiabada.
    Madeleines são encantadores. Preciso adquirir a forma.
    Bjs 🙂

    • Trembom

      Claudia, acho que sei bem porque vc gosta. É muito bom. Adquira logo as forminhas

  • Cris

    Responder

    Oh Valentina… blogueira sem máquina é igual quando falta o ovo da receita… a gente sempre dá um jeitinho, corre na vizinha e voilá! Estão de dar água na boca… Beijos… saudades, quando você vem nos visitar? Tem o quarto de hóspedes, keep that in mind… beijos

    • Trembom

      Menina, fiquei assim perdidinha. risos. Olha , este ano não vou mais ao Brasil. Talvez no próximo. Te mantenho informada.xx

  • Trembom

    Responder

    Sylvia, mas é fantástico isso. São as raizes transbordando.

  • Sylvia

    Responder

    Lindas Valentina.e que noite mais agradavel. Vc sabe que quando me empolgo, afloa minha vceia italiana e gesticulo e falo mais alto. Vergonha total rsrsrs

Leave a Comment